Namorar alguém frio dá certo? Como escapar de um amor não correspondido? #terezaresponde

Quem me segue no Instagram (@terezalaise) sabe que vez ou outra tenho respondido perguntas sobre relacionamento. Duas delas me chamaram atenção. A primeira por abordar uma situação que muitas mulheres enfrentam e acreditam piamente que é normal. É comum acontecer? É. Mas não é normal e eu vou explicar as razões.

A seguidora me escreveu a seguinte mensagem:

O projeto que mudou minha vida

Quando estamos conectadas com nós mesmas e com aquilo que acreditamos, quando a vida se ajusta de uma maneira que você se sente confortável sendo quem você é, tudo flui, tudo vem e vai como o vento, como as ondas do mar. E o que precisa ficar, ancora na gente.

Há algum tempo eu vinha sentindo vontade de fazer algo em que eu pudesse ser eu mesma e que pudesse me conectar com pessoas reais. Quando eu falo em pessoas reais, quero

A felicidade não está na vitrine

Você sabe o que te faz feliz de verdade? Não estou falando daquela sensação que explode quando compramos algo, por exemplo. Isso, na maioria esmagadora das vezes, é apenas euforia e a gente repetindo o comportamento que a sociedade nos ensinou direta e indiretamente. É uma sensação boa? Claro que sim! Mas passa rápido. Por isso as pessoas compram, compram, compram e compram... Tentando sentir essas explosões. Se isso fosse felicidade, basta

Ho’Oponopono

Ho’Oponopono (oração original)   Divino Criador, Pai, Mãe, Filho, todos em Um. Se eu, minha família, meus parentes e antepassados, ofendemos sua família, parentes e antepassados, em pensamentos, fatos ou ações, desde o início de nossa criação até o presente, nós pedimos o seu perdão. Deixe que isso  limpe, purifique, libere e corte todas as memórias, bloqueios, energias e vibrações negativas. Transmute essas energias indesejáveis em pura l

Pra quê planejar se vou me frustar?

Eu já disse o quanto pode ser frustrante planejar e as coisas não saírem como esperamos? Acredito que nem preciso dizer que é MUITO frustrante porque certamente você já deve ter passado por isso na vida (mais de uma vez, inclusive).

E o que é que a gente faz então? Não planeja mais? Deixa as coisas acontecerem e pronto? Território delicado esse... Mas, na minha opinião, a gente continua sonhando e planejando sim. Sempre! O