Quando tive a ideia de criar este blog, além de falar sobre o o universo que envolve minha profissão, quis fazê-lo de uma maneira mais assim, sabe? Mais juntinho de vocês. Como se a gente estivesse almoçando juntos e estivéssemos trocando ideias, num bate-papo gostoso, com risos de fazerem o tempo se perder.

Pois bem, hoje é domingo… Acordei tarde, fiz minha esteira, preparei o café, sentei no sofá, pequei o computador e liguei a tevê. Aí segundos antes de começar a trabalhar me veio um pensamento cheio de um dos melhores sentimentos, a gratidão. Quão maravilhoso é ter um domingo assim, normal, despretensioso, cheio de amor. Enquanto o marido corre na esteira, o filhote assiste comigo um dos filmes que marcou minha infância (“Olha quem está falando“) e eu compartilho com vocês.

Vamos conjugá-lo!

A vida é isso, sem segredos, sem receitas. Viver o presente, valorizar o que temos, o que somos e quem amamos.

Eu convido vocês a responderem uma perguntinha ao final do dia de hoje:

por que valeu a pena viver este dia?

Lembrem-se: onde há gratidão, nada falta.

Bom domingo!

Beijos e até.